Chá de Domingo #12: Cursos de Escrita Criativa

Hoje era para falar de antologias, mas parece que vai ter que ficar para a semana, porque uma situação relativa a cursos de escrita criativa ficou-me entalado na garganta.

Há um certo senhor que dá cursos de escrita criativa pelo módico preço de 210 euros. Até aqui tudo bem, aliás, a qualidade paga-se, certo? Não me parece que seja este o caso.
Não fosse este mesmo senhor que censura os comentários no seu blogue e página de facebook, não deixando que ninguém discorde dele. O mesmo senhor que publicou uma catrefada de livros pela Chiado Editora. Acho que a maioria de vós já sabe de quem estou a falar, por isso não vale a pena dizer o nome.
Voltando ao curso, era de esperar que depois de uma formação tão cara, pelo menos para os padrões nacionais, que os autores conseguissem dominar algumas das técnicas básicas da ficção. FALSO! Apesar de não saber qual o conteúdo exacto do curso, tudo me leva a crer que noções básicas de estrutura não foram cobertas.
Como é que eu sei isto? Bem, houve uma pessoa que frequentou um desses cursos e, animado pelo entusiasmo deste senhor, decidiu escrever um livro. O que é certo é que essas noções básicas não foram respeitadas. Poderíamos indulgenciar o formador, imputando a culpa no escritor, contudo, o mesmo senhor que ministrou o curso, cobrou 217 euros para uma revisão do manuscrito e essas falhas continuam lá. Acho que estamos perante um caso de incompetência.
Agora vou adicionar mais umas achas à fogueira. Esse senhor tem uma página na Wikipédia que serve só para lhe bajular o ego. Surpreende-me como é que um autor tão “famoso” ainda não foi publicado por nenhuma editora a sério. A conclusão é simples: estamos perante um burlão.

Leia também

Deixar uma resposta