Chá de Domingo #3: Sagas Inacabadas

Recebi pelos anos uma caixinha com os 5 primeiros livros do Jogos dos Tronos. Como há um hiato de vários anos entre cada livro, muitos dos fãs receiam que o autor, George RR Martin, possa falecer antes de terminar a saga, que se prevê ter sete livros. Assim, o tema deste Domingo são as sagas inacabadas.
A desculpa que tinha vindo a dar para não comprar a saga mais falada do momento foi precisamente estar inacabada. Vamos pegar num exemplo que me deixou de rastos: Duna. Comecei a ler e fiquei fascinado. O universo, a história, os temas captaram a minha atenção. Confesso que foram dos melhores livros que alguma vez li. Parei no Deus Imperador de Duna, o quarto livro, quando descobri que o final foi escrito pelo filho. Tenho os livros aqui em casa mas não tenho pica para os ler. Foi um dos maiores desapontamentos que recebi. Já tive oportunidade de ler um dos livros da pré-sequela e posso garantir que são bastante bons, quase tão bom como Frank Herbert. Esse quase faz toda a diferença. Tem tudo a ver com as expectativas e as minhas foram frustradas!
Eu tenho o hábito de comprar a colecção toda de uma vez: Os Jogos da Fome comprei só quando saiu o último e A trilogia do século de Ken Follet comprei só quando ele informou na página oficial que tinha terminado o último volume. Gosto de ler uma série toda de seguida! Gosto que tenha sido escrita pelo autor, do início ao fim! Se o escritor não quis ou não pode acabá-la, não me sinto na obrigação de ler!
O que é que acham das séries inacabadas? Qual a série inacabada que mais vos desapontou? O que acham dessas sagas serem completadas por outras pessoas? Acham que vale a pena completarem ou que é melhor deixarem como o autor a terminou?

Leia também

Deixar uma resposta