Chá de Domingo #4: Livros por ler

O tema desta semana são os livros por ler. Este fim-de-semana começaram as minhas merecidas férias, e com elas o regresso a casa. Uma coisas que reparei é que a prateleira dos livros por ler tem ainda mais volumes do que no ano passado. Faça o que fizer, a única tendência é aumentar.

Sejam viciados na leitura ou não, todos temos livros por ler. Há várias razões que os fazem acumular a um ritmo mais rápido do que os conseguimos ler: encontramos livros que alguém deitou fora, quiseram oferecer-nos livros que já não queriam e nós aceitamos (como me aconteceu esta semana – ver foto abaixo), recebemos livros de presente ou simplesmente não conseguimos resistir na loja. Seja qual for a razão e paradoxalmente, quanto mais viciados somos, maior é a pilha de livros por ler.
Como é que nos podemos livrar desse problema? A solução mais fácil é não comprar mais livros até diminuir a pilha, se bem que para algumas pessoas isso é impossível de fazer. E sim, eu sou uma dessas pessoas. Outra solução é oferecer alguns desses livros: trazer um amigo lá a casa e mostrar a pilha e deixá-lo escolher. Algumas pessoas podem ser alérgicas a essa opção, mas tente ser racionais, se os livros estão na pilha, haverá de certo uma razão. Para facilitar o processo de separação, podem sempre escolher alguns que não querem dar, o que para algumas pessoas significa a pilha inteira. Eu tenho livros que me irão dar para os próximos 10 anos, por isso optei pela segunda alternativa várias vezes, fiz alguém feliz e ganhei algum espaço! Creio que os livros ficam muito melhor com o seu novo dono do que comigo.
Qual o tamanho da vossa pilha de livros por ler? Quais as razões que a levam a crescer? O que fazem para a diminuir?

Leia também

Deixar uma resposta