Camp Nanowrimo – Julho de 2015 #14: Em força!

Hoje continuei na minha recuperação. Cheguei ao total de 14019 palavras e escrevi 1504. O meu atraso já desceu para um nível menos preocupante: 1400 palavras. Tenho conseguido escrever a uma ritmo muito bom, conseguindo dar conta do recado numa hora e meia, ou seja, ando pelas mil palavras por hora. Se for recordar o meu primeiro Nanowrimo, em Novembro de 2012, a minha média dessa altura era 500. Das duas uma, ou estou a conseguir escrever mais rápido ou a qualidade está a descer… Não interessa, não se pode esperar que o primeiro rascunho seja uma obra de arte!

Em termos da história, consegui completar o capítulo 14 e o 15, começando também o 16. Decidi seguir um dos conselhos dados por outros escritores envolvidos no Camp Nanowrimo: parar a meio de um capítulo para facilitar o início no dia seguinte. Em termos de estrutura, já passei claramente o ponto da aceitação do problema. Ontem julgava que não, mas hoje fiquei com a sensação que já o fiz no capítulo 12, pelo menos as personagens já começaram a reagir activamente ao problema que têm em mãos.

E amanhã há mais!

Leia também

Deixar uma resposta