Livros: O Clube das Chaves tem Carta Branca

Depois de uma temporada de Guerra dos Tronos, decidi voltar a algo mais suave…

Autoras: Maria Teresa Maia Gonzalez e Maria do Rosário Pedreira

Sinopse: A chave nº12 abre caminho a uma investigação atribulada, que leva os membros do clube a comunicarem com um país distante. Depois de muito pesquisarem, os sócios descobrem que está a faltar um exemplar numa das mais importantes colecções portuguesas. Escrevem uma carta para o recuperar, mas… quem continua a dar cartas é o fantasma da O.R.D.E.M.

Foi escrito numa linguagem acessível, talvez até em demasia. A trama é bastante linear e fácil de seguir. As ramificações da história dão alguma profundidade à obra, mas podíamos passar bem sem elas. Por outro lado, temos neste livro a apresentação de diversos temas importantes para os jovens. Nota-se, pelo tom ligeiramente moralista empregue, que as autoras são professoras. Apesar de não ser nenhum obra de arte da literatura, é um livro que entretém o leitor.

Recomendo o livro à faixa infanto-juvenil, já que um leitor adulto irá aborrecer-se facilmente.

Classificação: 3 estrelas

Leia também

Deixar uma resposta